Otávio Lucchini testa moto vyrus na Itália


VYRUS FOTO

Otávio Lucchini, de 18 anos começou sua jornada no mundo da motovelocidade com apenas 12 anos e já tem muita experiência. O piloto, que foi campeão Brasileiro em 2007 nas 250cc, nos últimos dois anos correu nos EUA, em 2008 no RED BULL ROCKIES CUP de 125cc (Sendo o único brasileiro a entrar numa seletiva com mais de 600 pilotos do mundo inteiro) e em 2009 correu pelo campeonato AMA de 600cc, um dos maiores campeonatos de motovelocidade do mundo. No final de 2009 e início de 2010 o piloto correu no Brasil, no TNT SUPERBIKES E PIRELLI SUPERBIKES, inciando sua carreira na moto 1000 cilindradas.

Hoje o brasileiro está na Itália testando um novo conceito de motos, a VYRUS. Moto fabricada em Rimini, na Itália e que chega ao Brasil pela Perfect Motors (que também comercializa a Bimota). "A moto é simplismente fantástica, além de ter uma estética muito diferenciada, é uma moto muito forte e perfeita para suportar altas velocidades." diz Otávio Lucchini. O piloto completou que com os primeiros treinos que fez com a moto já se adaptou bastante com a ciclística diferenciada e inovadora da VYRUS.

MOTO VYRUS

O conceito do fundador da Vyrus Ascanio Rodrigo, que trabalhou com o designer Massimo Tamburino no estúdio da Cagiva, não é apenas exclusividade, ele busca soluções técnicas inovadoras. " As motos têm sido construídas com os mesmos erros há décadas e, portanto, decidi criar minhas próprias" diz Ascanio.

Todos os modelos da VYRUS são fabricados de acordo com o desejo do seu futuro proprietário, a moto é encomendada e o cliente pode escolher desde o motor até a manopla do acelerador e painel.

A VYRUS possuí quarto modelos, todos com base ciclística inovadora com quadro em forma de ômega e em vez de um garfo na suspensão dianteira, traz um monobraço controlado por uma caixa de direção inusitada.

A versão mais "simples" é a Vyrus 984 C3 2V com o motor 1000DS da Ducati e que custa, na Europa, 33.400 euros (cerca de R$ 80.500,00). A "top" de linha é o modelo 987 C3 4V, nada menos que a motocicleta de série mais potente do mundo, equipada com o motor de 1.198 cm³ da Ducati, com supercharger, capaz de gerar 211 cv de potência máxima. Com refrigeração líquida e quadro válvulas com comando desmodrômico, a 987 C3 4V oferece potência suficiente para levar o modelo a mais de 300 Km/h.

O preço: 65.000 euros (quase R$ 157 mil, sem considerar taxas, impostos e afins). Porém, a primeira Vyrus a ser comercializada no Brasil é a 987 C3 4V, que tem o mesmo motor de 1.198,4 cm³, mas sem a alimentação extra.

Texto: Dainele Lima

Deixe seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: