Rossi aproveita pista seca e lidera o segundo dia de testes em Jerez.


Depois de tumultuar o primeiro dia de testes da última bateria de treinos coletivos da pré-temporada 2013 da MotoGP, a chuva deu algumas horas de trégua para os pilotos, mas, ainda assim, atrasou a entrada dos competidores na pista.

No início da tarde, já com o asfalto mais seco, os pilotos se apressaram para ir para pista e iniciaram um revezamento no comando da sessão. Álvaro Bautista, Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa se alternaram na liderança, mas foi Valentino Rossi quem fechou o dia com a melhor marca.

Após longos meses sem frequentar a primeira posição da folha de tempos, o italiano escreveu seu nome no topo da tabela ao anotar 1min39s525. Jorge Lorenzo também baixou sua marca, mas não conseguiu superar o companheiro de Yamaha e ficou com o segundo posto, a 0s015 da ponta. Com uma M1 satélite, Cal Crutchlow foi 0s049 mais lento que o ponteiro e completa a trinca da Yamaha na liderança da sessão.

Dani Pedrosa ficou com o quarto tempo, com sua melhor volta em 1min39s630. Andrea Dovizioso aparece na sequência, colocando a primeira Ducati na quinta posição. O sexto tempo ficou com Álvaro Bautista, que sofreu uma forte queda na entrada da curva Pons e teve pequenas fraturas nos dedos anelar e mindinho da mão esquerda. Apesar da lesão, o espanhol foi liberado para voltar à pista nesta segunda.

Ainda aprendendo as linhas de Jerez com o protótipo da MotoGP, Marc Márquez não conseguiu mostrar o mesmo ritmo dos testes anteriores e anotou a sétima melhor marca, com seu registro mais rápido em 1min40s714, 1s189 mais lento que Rossi. Stefan Bradl ficou com o oitavo tempo, à frente de Andrea Iannone. Nicky Hayden completa o top-10.

Entre as CRT, o melhor tempo foi registrado por Héctor Barberá, que cravou 1min41s376, 1s851 atrás do líder. Bradley Smith tem o 12º posto, à frente de Aleix Espargaró, da Aspar, e Danilo Petrucci, da Ioda.

Lorenzo foi 0s015 mais lento que Rossi em Jerez (Foto: MotoGP)
Saiba como foi o teste deste domingo:

Com a pista ainda molhada por conta da chuva de segunda-feira, as primeiras horas do dia foram de espera. Hiroshi Aoyama ainda tentou ir para a pista, mas após verificar as condições do asfalto, decidiu retornar aos boxes da Avintia e aguardar.

Foi só no início da tarde que os pilotos puderam deixar os boxes e se dedicar aos últimos acertos das motos antes do início do Mundial, no próximo dia 7, com o GP do Catar. Álvaro Bautista foi o primeiro a encabeçar a lista de tempos neste domingo (24).

A liderança do espanhol, entretanto, não durou muito, já que Jorge Lorenzo logo deixou os boxes da Yamaha para anotar a melhor marca. Além do atual campeão, Cal Crutchlow e Valentino Rossi também exibiram o bom ritmo de sua M1, dominando os primeiros postos da tabela.

Na sequência, foi a vez de Dani Pedrosa se impor. O piloto da Honda baixou sua marca e assumiu a ponta, mas logo viu Rossi tomar a frente. Depois de muito tempo sem ver seu nome no primeiro posto da folha de tempos, o italiano foi o primeiro a superar a barreira de 1min40s, e cravou 1min39s525 em seu 29º giro no traçado andaluz.

Com sua Yamaha satélite, Crutchlow logo conseguiu se instalar na segunda posição, 0s049 atrás do multicampeão. Lorenzo reagiu na sequência, baixou seu tempo de volta para 1min39s540 e se instalou a 0s015 do companheiro.

Em seguida, Bautista sofreu uma forte queda na curva Pons, uma das mais rápidas do traçado. Levado ao centro médico do circuito de Jerez, Álvaro teve pequenas fraturas diagnosticadas nos dedos anelar e mindinho da mão esquerda, mas foi liberado para participar dos treinos desta segunda.

Faltando pouco menos de duas horas para o fim das atividades em pista, a chuva voltou com força e levou os pilotos de volta aos boxes. Com o temporal piorando a cada minuto, ninguém mais se arriscou a deixar as garagens e os tempos permaneceram inalterados nas horas finais.

MotoGP, Jerez, Treinos coletivos, dia 2:

1
Valentinto ROSSI
ITA
Yamaha
1:39.525
46
2
Jorge LORENZO
ESP
Yamaha
1:39.540
+0.015
34
3
Cal CRUTCHLOW
ING
Tech 3 Yamaha
1:39.574
+0.049
44
4
Daniel PEDROSA
ESP
Honda
1:39.630
+0.105
31
5
Andrea DOVIZIOSO
ITA
Ducati
1:40.322
+0.797
30
6
Álvaro BAUTISTA
ESP
Gresini Honda
1:40.686
+1.161
35
7
Marc MÁRQUEZ
ESP
Honda
1:40.714
+1.189
36
8
Stefan BRADL
ALE
LCR Honda
1:40.783
+1.258
32
9
Andrea IANNONE
ITA
Pramac Ducati
1:41.088
+1.563
15
10
Nicky HAYDEN
EUA
Ducati
1:41.325
+1.800
35
11
Héctor BARBERÁ
ESP
Avintia
1:41.376
+1.851
25
12
Bradley SMITH
ING
Tech 3 Yamaha
1:41.398
+1.873
41
13
Aleix ESPARGARÓ
ESP
Aspar
1:41.444
+1.919
48
14
Danilo PETRUCCI
ITA
Ioda
1:41.529
+2.004
32
15
Michele PIRRO
ITA
Ducati
1:41.603
+2.078
32
16
Randy DE PUNIET
FRA
Aspar
1:41.686
+2.161
34
17
Claudio CORTI
ITA
Forward
1:41.701
+2.176
26
18
Ben SPIES
EUA
Pramac Ducati
1:41.702
+2.177
29
19
Karel ABRAHAM
TCH
AB
1:41.916
+2.391
35
20
Yonny HERNÁNDES
COL
Paul Bird
1:42.050
+2.525
32
21
Bryan STARING
AUS
Gresini Honda
1:42.107
+2.582
39
22
Colin EDWARDS
EUA
Forward
1:42.154
+2.629
33
23
Hiroshi AOYAMA
JAP
Avintia
1:43.959
+4.434
25
24
Michael LAVERTY
ING
Paul Bird
1:44.185
+4.660
21
25
Lukas PESEK
TCH
Ioda
1:44.874
+5.349
33

Fonte: Grande Premio

Anúncios

Um comentário sobre “Rossi aproveita pista seca e lidera o segundo dia de testes em Jerez.

  1. Olá turma do Grid Motors,

    Meu nome é Humberto Alves, sou gerente de afiliados do http://www.apostasonline.com e gostaria de lhes fazer uma proposta.

    Como não consegui encontrar nenhuma área para contato, poderiam me enviar um email para afiliados [arroba] apostasonline.com para darmos continuidade a negociação?

    Grande abraço

    Curtir

Deixe seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s