Fonseca e Chofard; velozes campeões

Fonseca e Chofard; velozes campeões

img34017-1289390876-v580x435 - Fonseca e Chofard; velozes campeões

O último fim de semana foi de muita velocidade no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília. A Capital Federal recebeu as quatro últimas etapas do Campeonato Brasileiro de Supermoto e também a 4ª etapa do Brasileiro de Motovelocidade, com grande destaque para Rafael Fonseca (Lawanteam), que se sagrou tetracampeão brasileiro, e Pierre Chofard, campeão brasileiro antecipado na categoria Superbike da motovelocidade.

Rafael Fonseca simplesmente venceu todas as quatro baterias do fim de semana e conquistou seu quarto título nacional de maneira incontestável na categoria SM1, provando que é o melhor piloto da modalidade no Brasil. Kleber Justino foi o vice-campeão, e Ricardo Sato o terceiro na classificação final.

“Esse foi um ano realmente inesquecível e que entrou para a minha história. A Lawant Team mais uma vez me deu todas as condições para que eu pudesse desenvolver o meu trabalho e conquistasse mais esse título. Participei de uma das etapas do Campeonato Americano, representei o Brasil no Supermoto das Nações e ainda conquistou o tetracampeonato brasileiro. Sem dúvida o melhor ano da minha vida no esporte”, garantiu Fonseca.

Na SM2, após uma tripla vitória, o título ficou com Juliano Meira, que também representou o Brasil no Nações. Adelmo Dias foi o vice-campeão e Lindomar Santos o terceiro. Gerson Incerti foi o campeão na categoria SM3, com Juscelino Oliveira em segundo e Emerson Menezes em terceiro. Juscelino Oliveira foi o campeão da SM3 Incentivo, com Bruno Campanati em segundo e Uanderson Menezes em terceiro. Fechando a categoria SM4 com uma vitória e dois segundos lugares, Ricardo Sato foi o campeão brasileiro, com Charles Marinho em segundo e Simão Lawant em terceiro.

Títulos também na Motovelocidade

“Foi um fim de semana em que tivemos vários contratempos, como a chuva, e alguns "concorrentes", com a prova do Enem e a Fórmula-1 no Brasil, mas mesmo assim a prova foi muito boa e tivemos cerca de 3 mil pessoas no autódromo. Foi um fim de semana muito bom para os pilotos e os amantes da velocidade no Distrito Federal”, ressaltou Carlos Senise, presidente da Federação de Motociclismo deo Distrito Federal.

Brasília não viu apenas campeões na Supermoto. Ainda com uma prova para ser realizada, no dia 5 de dezembro em Goiânia, três categorias da Motovelocidade já têm seus campeões antecipados. Pierre Chofard venceu as duas baterias da categoria Superbike, a principal da motovelocidade brasileira, e garantiu seu primeiro título da modalidade.

Quem também já comemorou o título antecipado, foi Fabiano Vaz. O piloto não precisou nem sequer vencer as provas da categoria 125cc para sagrar-se campeão. Luiz Paulo Coelho e Patrick Matos foram os vencedores em Brasília. Na 250cc, Marciano Santin conquistou sua quarta vitória em cinco provas e faturou o título antecipado. As brigas prometem ser acirradas ainda nas categorias 600cc Sport, que tem a liderança de Thales Monteiro, e Superbike Light, na qual Giovani Mocelin é o primeiro colocado.

Fonte: MOTO.com.br